Sérum: o que é e para que serve?

Já todas ouvimos falar em séruns, mas na realidade ainda persistem muitas dúvidas quanto à função e correta utilização deste produto. Existem para cabelo, mas os mais comuns são os séruns para o rosto. Dizemos-lhe desde já que o sérum é muito mais do que um creme hidratante, mas um não substitui o outro. Fique a conhecer melhor os séruns e para que servem.

O que é o sérum?

Um sérum é um produto de tratamento que se diferencia dos cremes hidratantes habituais pela textura e pelos ingredientes. É ultraconcentrado em ativos e tem normalmente uma textura mais fluída, quase aquosa, e não gordurosa, penetrando mais rápida e profundamente na pele. Atua nas camadas profundas da pele e por isso tem uma função de cura, mas não de hidratação ou proteção.

Para que serve?

Os séruns mais comuns são os antienvelhecimento, como para reduzir rugas ou marcas de expressão. Mas existem muitos outros, como para combate a manchas, iluminadores, alisadores, contra flacidez ou acne, ou séruns para diminuir os poros. O sérum é formulado para atuar nas camadas mais profundas da pele e por isso, trata ou previne lesões muito mais rapidamente que um hidratante. Servem também para uma hidratação extra, mesmo para peles oleosas, pois a maioria não contém óleos. O objetivo principal do sérum é a ação no interior da pele e, por isso, não são formulados para fornecer conforto à superfície ou proteção contra as agressões exteriores, deixando isso para os cremes. Uma pele jovem raramente tem necessidade de usar séruns, a não ser pontualmente, como durante um ou dois meses, para repor a hidratação a seguir aos meses de verão, por exemplo. Numa pele em que já existem problemas específicos, como rugas, manchas ou flacidez, usar um sérum específico de manhã ou à noite antes do creme pode mesmo fazer a diferença. Mas não pense que a diferença se verá da noite para o dia. Como o sérum atua em profundidade, podem ser necessárias algumas semanas ou meses para realmente se verem os resultados, pois a pele tem de se ir renovando até chegar à pele que já se encontra tratada.

Como usar o sérum?

Como penetra rapidamente na pele, o sérum não cumpre a função de a proteger. Desta forma, o sérum deve ser aplicado numa pele limpa, e seguido de um creme hidratante.

Por melhor que seja o sérum, este deve ser sempre um complemento do creme hidratante e nunca um substituto. Por exemplo, um hidratante consegue reter a água na pele durante horas, enquanto o sérum não o consegue fazer. A sensação após aplicação do sérum é normalmente de uma pele com toque seco, que permite a aplicação do hidratante logo de seguida. Deve também ser complementado com um protetor solar, pois só por si, o sérum não tem qualquer função de proteção contra os raios ultravioleta. O sérum é normalmente aplicado em pouca quantidade, pois rende muito em contato com a pele. Pode e deve ser usado dia e noite.

Faça o seu comentário

Powered by WordPress | Designed by: best suv | Thanks to trucks, infiniti suv and toyota suv