Diga não aos refrigerantes

Tanto em Portugal como em muitos outros países do mundo, o consumo de refrigerantes é um hábito presente nas refeições da maioria das pessoas. A oferta no mercado das bebidas é enorme, para além da publicidade, com a qual somos constantemente bombardeados, e que convence-nos a consumir um produto saboroso e refrescante mas nutricionalmente pobre e prejudicial para a nossa saúde. Para quem pretende perder peso e manter uma alimentação saudável é importante ter em mente, na hora de escolher o que beber, que os refrigerantes são um dos maiores inimigos da dieta e o seu consumo exagerado poderá ser um dos causadores da obesidade.Diga não aos refrigerantes

Se o seu objectivo é seguir uma dieta saudável mas não resiste a acompanhar o almoço ou lanche com uma Coca-Cola, por exemplo, saiba o quanto estes tipos de sumo são prejudiciais e comece a diminuir a ingestão de refrigerantes ou exclua definitivamente da sua lista de compras, substituindo por sumos naturais.

Problemas de saúde associados aos refrigerantes

Como todos nós sabemos, o refrigerante é confeccionado com açúcar (no caso dos diet e light, com adoçante), água gaseificada, extrato de sumo de laranja ou limão, cafeína e pelo menos sete aditivos químicos que poderemos ler nos rótulos das embalagens. Todos esses ingredientes fazem mal à saúde quando consumidos excessivamente e os problemas começam quando torna-se um hábito ingerir diariamente esse tipo de líquido.

De acordo com os cientistas e profissionais da saúde, consumir refrigerantes exageradamente pode causar obesidade, diabetes e problemas dentários. Para além de provocar flatulência, gastrite, enfraquece os ossos e principalmente confunde as hormonas do apetite durante o processo digestivo, ou seja, os refrigerantes provocam dilatação do estomago, dificultando a absorção dos nutrientes e dando aquela sensação de estarmos saciados quando na verdade não estamos. E a fome surge momentos depois. Se o consumo de refrigerantes faz parte do seu dia-a-dia deve diminuir ou excluir da sua dieta tal bebida e optar pelos sumos de frutas naturais, água, água mineral com sabores de frutas, água com gás ou outros líquidos ricos em vitaminas. Dessa forma, evitará vários problemas de saúde e doenças relacionadas à má nutrição.

Refrigerantes diet e light engordam!

Confuso com esta afirmação? É verdade, os refrigerantes denominados diet e light que prometem engordar menos são apenas ilusões e não ajudam a perder peso. A composição deste tipo de bebidas perde, realmente, na quantidade de açúcar. Mas para manter o sabor que se perdeu com a diminuição do açúcar, são adicionadas grandes quantidades de sódio. Este ingrediente quando consumido excessivamente causa retenção de líquidos, comprometendo a nossa saúde, principalmente o funcionamento de órgãos como os rins que filtram o que bebemos. Sejam refrigerantes normais, diet ou light, passe a comprá-los cada vez menos e a bebe-los um vez por outra, em certas ocasiões. Mas se deseja cumprir uma dieta saudável diga, de uma vez por todas, não aos refrigerantes.

 

 

Faça o seu comentário

Powered by WordPress | Designed by: best suv | Thanks to trucks, infiniti suv and toyota suv