Reiki: em busca do bem-estar físico e mental

Por certo já ouviu falar do Reiki e dos seus poderes curativos. Neste artigo, explicamos-lhe tudo sobre esta prática oriental e damos-lhe a conhecer os principais benefícios da terapia.

O que é o Reiki?

O Reiki é uma medicina alternativa, que promove o bem estar físico, mental e emocional, através do toque das mãos. “Rei” significa “Energia Universal e “Ki” quer dizer “Energia Vital”. De forma simples, o Reiki pode ser explicado da seguinte forma: todos os seres vivos possuem uma energia vital, mas quando essa energia está desequilibrada, é necessário recorrer à energia universal para a reequilibrar. Os mestres de Reiki têm a função de recolher a energia universal e passá-la ao recetor, fazendo uso das mãos. O desequilíbrio da energia vital de cada um pode dever-se a vários fatores desde doença, preocupações, angústia, depressão, alimentação incorreta, e até baixa autoestima. Todos este fatores atuam como bloqueadores da energia vital e por isso corpo, mente e espírito não estão em harmonia. A prática do Reiki pretende desbloquear a energia vital e devolver o bem-estar a quem recebe a energia universal do transmissor.

Na prática, para que serve o Reiki?

Além de promover o bem-estar no geral, ajuda pessoas com problemas de insónias ou distúrbios do sono, alivia dores físicas, reduz o stress e a ansiedade e promove a saúde mental e emocional. O Reiki é ainda utilizado em pacientes que querem deixar de fumar.

Como se pratica?

O terapeuta ou transmissor de Reiki utiliza apenas as suas mãos em determinadas posições para passar a energia aos órgãos e aos sete chackras do recetor, que são pontos de energia ao longo da coluna ligados a glândulas e partes do corpo. No Reiki acredita-se que o tratamento encontra o seu próprio caminho e que as mãos do transmissor são atraídas pela energia e encontram os pontos de desequilíbrio. No entanto, cada sessão, promove uma cura integral do corpo, desde a cabeça até aos pés. Uma sessão dura cerca de 30 a 45 minutos e deve ser efetuada num local tranquilo e arrumado. O recetor deve deixar de parte todas as suas preocupações e concentrar-se na sua energia e bem-estar, de forma a estar mais recetivo a receber a cura.

Quais os efeitos do Reiki?

O objetivo principal da prática é a promoção do bem estar e, logo a partir da primeira sessão costuma haver mudanças significativas na vida do recetor. Contudo, dependendo de cada pessoa, os efeitos imediatos e a curto prazo podem variar. Há quem comece a sentir uma melhoria no bem-estar ainda durante a sessão e há aqueles que só nos dias seguintes sentem a mudança. Para algumas pessoas, as primeiras sessões podem ser difíceis, sentindo-se aborrecidas ou pior do que antes, tendo reações emocionais violentas. Há quem sinta calor, dores de cabeça, irritação, mas todos este estes sintomas são normais e desaparecem ao fim de algumas horas. A verdade é que o Reiki provoca uma mudança significativa e cada pessoa reage a essa mudança de acordo com as suas experiências anteriores e os seu percurso de vida. A nível físico, é ainda frequente uma maior atividade da bexiga ou uma enorme vontade de dormir.

Quem pode aderir a tratamentos de Reiki?

Basicamente toda a gente. Por ser uma terapia natural, que cura apenas através da movimentação de energias, não oferece riscos a quem o pratica. Pode ser utilizado em crianças e em bebés, para os ajudar a relaxar e a dormir melhor, assim como em doentes, não como substituição de um tratamento médico tradicional, mas como complemento. Crê-se que o Reiki pode ajudar doentes que já não têm esperança de vida, fazendo-os aceitar melhor esse facto e aliviando as dores. Curiosamente, existe até a prática de Reiki em animais, para manter a saúde ou curar ferimentos específicos.

Faça o seu comentário

Powered by WordPress | Designed by: best suv | Thanks to trucks, infiniti suv and toyota suv